07 setembro 2016

Página Em Branco: Primeiro Amor, o próprio

Ei moça, levanta essa cabeça e segura esse teu sorriso no rosto. Todos tem decepções e a sua não vai ser a primeira. Não chore por ninguém, porque ambas sabemos que seu rímel custa caro. Não precisa se preocupar com seu corpo, sabia que ele é lindo? Não ligue para o que falam de você, todos eles deveriam ter a alto estima que você tem. Eu sei que você é forte, mas também sei que chora na calada da noite pelo que ouve na rua. Coisas como: "Ei garota, deixa um pouco de comida pro mundo" "Vai comer menina, parece que é anoréxica" "você devia comer mais, ta tão magra" "quer um pente pra ajeitar isso que você chama de cabelo?" "querida, se você continuar desse jeito vai explodir" "teu cabelo liso ia ficar tão lindo" "porquê você não cacheia seu cabelo?" e etc. Mas posso te contar um segredo? Quando Deus criou a mulher ele nunca falou que ela ia ser perfeita. Nunca disse que você teria que seguir um padrão, caso contrário a sociedade não te aceitaria. Ela não tem o direito de aceitar ou não aceitar ninguém, porque querendo ou não, você faz parte dela. 
E seu cabelo? Não se preocupe em alisar ou fazer cachos, ele é lindo do jeito que é, do jeito que você quiser, apenas do seu jeito. Se quiser passar maquiagem no rosto, pode passar querida, e se falarem mal esfrega blush na cara deles. Se não quiser, vai com sua beleza natural mesmo e mostra pro mundo que você é melhor do que dizem. O que você passa no rosto não é da conta de ninguém. Não ligue se falarem mal do jeito que você se veste, ou se querem concertar isso. Porque o seu jeito é seu, e de mais ninguém. Suas roupas são lindas, e ficam ótimas do jeito que você achar que ficam. Não precisa ficar se martirizando quando alguém diz que não esta combinando, e desde quando alguma coisa tem que combinar? 

Sabe aquele batom que dizem que você fica parecendo uma rapariga, aquele vermelho bem forte? Use-o e ensine que não existe rapariga, existem mulheres que merecem respeito. Sabe aquele batom azul que dizem que você fica parecendo um zumbi ou uma das bonecas da monster high? Use também, e se reclamarem faça barulho de monstro na cara deles. Aprenda que quem deve se importar se gosta ou não, é você. Sua mãe lhe criou e lhe botou no mundo, mas até ela sabe que você faz o que quiser consigo mesma, porque nada te impede. Se quiser usar algo fora de moda, use. Se quiser usar um penteado diferente, use. Se quiser usar dois batons diferentes e extravagantes, pode usar, e aproveita e me ensina também. Se quiser usar um turbante, use. Que quiser usar pulseiras, encha seu pulso da arte da rua. Os rótulos existentes já saíram de moda, e se usarem um deles em você, dê aquela gargalhada maravilhosa capaz de conquistar corações, e deixe eles com inveja do seu rebolado. 

Pare de achar que a opinião alheia importa mais que a sua. Passe a se amar primeiro, deixe de se imaginar como um simples objeto observado e utilizado pelas pessoas. Se importe menos com aparência e mais com atitude. Se importe menos com números e críticas negativas e mais com sua opinião. Na hora do vamo ver o caráter que conta, não o que você veste ou deixa de vestir. Independente da tua cor, raça só tem uma que é a humana. Independente do teu cabelo, do tamanho da saia que você usa, ou do que você coloca ou não no rosto, quem pode te julgar é somente você. Se quiser usar um vestido curto mesmo com todo mundo falando, use.

Em todo lugar sempre vai existir gente pra falar de tudo. Então deixa esse negócio de "essa roupa ta boa? Ta combinando? Ele vai gostar?" Pra lá, porquê se tiver de se apaixonar, vai ser por você assim. Se tiver de gostar, vai gostar assim. E se tiver de ser, vai ser assim. E se o mundo reclamar, Oh, lá, lá, lá, lá, lá, lá oh, vem querido, que hoje eu to que tô! ❤

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo